Seguidores amigos

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

15 de outubro - Dia do Professor

A todos aqueles que nos aturaram, nos aturam e futuramente terão de nos aturar !

A todos nós futuros professores/educadores um bom e merecido descanso neste dia.


super imagens e gifs

RecadosOnline - Confira os melhores Recados de Dia do Professor na Internet!

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Pavê de Frango

Que delícia!
Faça e depois comente.

Ingredientes:

2 colheres de óleo
1 ½ kg de peito de frango cortado em tirinhas.
4 tomates sem pele e sem sementes
2 colheres de sopa de salsa cortadinha
3 tabletes de caldo de galinha
3 pãezinhos amanhecidos, cortados em rodelas bem finas
2 colheres de sopa de margarina
3 colheres de sopa de farinha de trigo
2 xícaras de chá de leite morno
1 lata de creme de leite
Queijo parmesão ralado.

Modo de Fazer: Aqueça o óleo e doure muito bem as tirinhas de frango de todos os lados. Acrescente os tomates, a salsa, dois tabletes do caldo de galinha e três xícaras de chá de água fervente. Mexa bem para dissolver os tabletes. Tampe e cozinhe em fogo baixo por 40 minutos ou até que o frango quase se desfaça.
Retire-o da panela. Num refratário de 22x35cm untado com margarina, forre com as fatias de pão, espalhe o refogado de frango e reserve.
À parte, derreta a manteiga e doure nela a farinha de trigo.
Adicione aos poucos leite, sempre mexendo, até obter um creme.
Junte o outro tablete de caldo de galinha e misture até dissolver por completo. Adicione a lata de creme de leite, mexa bem e despeje-o sobre o frango.
Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno por cerca de 25 minutos ou até gratinar.

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Batida de Maracujá sem álcool

Ingredientes:

1 lata de leite condensado
3 medidas da lata de leite condensado de suco concentrado de maracujá
2 medidas da lata de leite condensado de guaraná
1 caixinha de creme de leite

Modo de Fazer:

Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem.
Sirva bem gelado.

Dica: Troque o sabor do suco concentrado e tenha uma variedade
de sabores.

Rabanada Suprema

Ingredientes:
2 pães de rabanada cortados em fatias
2 latas de leite condensado
1 colher de chá de essência de baunilha
1 medida da lata de leite condensado de água
3 ovos batidos
Açúcar de confeiteiro e canela em pó à gosto.

Modo de Fazer:

Junte o leite condensado, água e a baunilha e misture bem. Mergulhe cada fatia de pão nesta mistura e escorra o excesso. Em seguida passe as fatias de pão nos ovos batidos. Escorra o excesso e depois frite em óleo quente e fogo baixo. Deixe dourar por igual. Coloque sobre papel absorvente e deixe secar.

Dica: Polvilhe o açúcar de confeiteiro em uma metade e na outra a canela em pó.

Docinhos de Festa: Que Delícia!

Ingredientes:

Massa:
½ pacote de biscoito recheado de chocolate preto
2 latas de leite condensado
1 pacote de 50g de coco ralado
2 gemas
1 colher de sopa de margarina

Recheio:
Amendoim ou amêndoa triturados à gosto

Banho de Caramelo:
2 xícaras (chá) de açúcar granulado
¾ de xícara (chá) de água
3 colheres de sopa de vinagre branco
1 colher de chá de glucose* (opcional – para dar mais durabilidade ao caramelo)

Modo de Fazer:

Massa: Triture os biscoitos num processador até transformá-los em farinha. Adicione o restante dos ingredientes e leve ao fogo brando mexendo sempre até soltar do fundo da panela.
Retire do fogo e deixe esfriar.
Modele os bombons com recheio de amendoins ou amêndoas triturados, depois mergulhe os bombons com um garfo ou palito de churrasco no banho de caramelo.

Banho de Caramelo:
Coloque a água com o açúcar no fogo para ferver até formar uma calda grossa em ponto de fio forte. Dado o ponto de fio forte, coloque o vinagre e a glucose. Deixe ferver dando a cor caramelada.
Retire do fogo e mergulhe os bombons. Coloque em recipiente untado com manteiga e após esfriar, arrume em forminhas decoradas.

Tipos de Textos

Descritivo, Narrativo e Dissertativo

Descritivo: Faz uma descrição do que se viu ou se observou. Sendo que esta descrição é estática, sem movimento.
O ser, o objeto e o ambiente são importantes, ocupando lugar de destaque na frase o substantivo e o adjetivo.

O texto descritivo pode ser : Denotativo ou Conotativo

A descrição denotativa possui uma linguagem direta, objetiva, sem metáforas ou figuras literárias.
Já a descrição conotativa possui uma linguagem rica em polivalência e sentido figurado.

Narrativo: Narra os fatos. Conta. Consiste na elaboração de um texto inserindo acontecimentos e personagens. Possui movimento e pode ser Fictício ou Factual.

Neste tipo de texto, o fato é o ponto central da ação, sendo o verbo o elemento principal.
Pode ser escrito em 1ª Pessoa (narrador) ou em 3ª Pessoa (narrador-observador).

Dissertativo: é o desenvolvimento de um tema qualquer.

* Existem regras para se construir um bom texto e a primeira delas é que todo o texto deve possuir: introdução, desenvolvimento e conclusão.

Partícula Expletiva

Estudo de Casos

01) “Eles é que mandam” ou “Eles são que mandam”?

Para esta resposta é preciso saber o que significa PARTÍCULA EXPLETIVA ou PARTÍCULA DE REALCE .
Como o próprio nome já diz esta partícula serve para realçar, enfatizar e só tem efeito decorativo na frase. As partículas, palavras e expressões expletivas não exercem qualquer função sintática na oração e têm apenas valor estilístico, expressivo.
Ela tanto pode ser usada com o pronome relativo “que” quanto com a expressão “é que”.
O verbo ser por vir no presente (é), passado (foi, era ou fora) ou no futuro (será, seria), mas sempre utilizada na 3ª pessoa do singular.
Ocorre a partícula expletiva quando ao retirarmos da frase as partículas “que” ou “é que”, não há prejuízo para o significado ou compreensão do período.
Se voltarmos à frase apresentada e retirarmos o verbo ser (é) + o pronome relativo (que) para testarmos a possível formação da partícula expletiva temos: Eles mandam.
Portanto, não há necessidade de se utilizar os elementos retirados, logo; formam uma partícula expletiva ou de realce, daí a forma correta deve ser grafada com o verbo na 3ª pessoa do singular: Eles é que mandam.
Existe ainda o uso das partículas cá, lá, dos pronomes oblíquos me, te, se, nos e vos, como partículas expletivas, sendo que estes últimos usados com o verbo intransitivo e com o sujeito claro, entre muitos outros. Veja:

a) Tenho minhas dúvidas.= Tenho minhas dúvidas.
b) Sabe-se o que foi fazer ali...= Sabe-se o que foi fazer ali...
c) Quase que caí da escada. = Quase caí da escada.
d) Maria, não me venha com essa lengalenga outra vez.= Maria, não venha com essa lengalenga outra vez.
e) João foi-se embora sem avisar.= João foi embora sem avisar.

Vamos aos exercícios:

01- (UM-SP/94):

Ó tu
Que és presidente
Do Conselho Municipal
Se é que tens mulher e filhos,
Manda tapar os buracos da
Rua dos Junquilhos.
(Artur Azevedo)

A palavra que aparece duas vezes no texto com a seguinte classificação morfológica, respectivamente:

a) pronome relativo, partícula expletiva.
b) partícula expletiva, pronome relativo.
c) pronome relativo, conjunção integrante.
d) conjunção integrante, pronome relativo.
e) partícula expletiva, conjunção integrante.

02- Relacione a primeira coluna com a segunda.

(1) Conjunção Subordinativa
(2) Advérbio
(3) Pronome
(4) Interjeição
(5) Partícula Expletiva ou de Realce
( ) Quê! Você ainda está aqui?
( ) Que lindo foi teu gesto!
( ) Esperava que eles me entendessem.
( ) Quase que eu perco o jogo.
( ) Devolvi o dinheiro que me deram por engano.

03 – Das frases abaixo, quais delas usa o valor expressivo da Partícula de realce, reescreva-as se for o caso:

a) Nós é que fizemos o trabalho e não ela. _______________________________________

b) As garotas, que são minhas amigas,chegaram.
__________________________________

c) É do professor Nelson que precisamos para retirarmos esta dúvida.
_________________________________________________
Sites relevantes:
http://www.gramaticaonline.com.br/ acedido em 14/09/2009.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Volta às aulas!!! Argh...

mensagem do coração

Mediante o acesso inesperado de leitores por este tópico, resolvi escrever algumas linhas para melhor explanar este assunto.
Confesso que no princípio, tanto nós adultos como nossas crianças reagimos com certa tristeza, afinal o tempo de descanso e diversão acabou.
Contudo, tem o outro lado da moeda: encontro com os amigos, novas amizades e responsabilidades... 
Afinal de contas a vida não é só lazer!
Em suma, o que em princípio achamos ruim, logo descobrimos não o ser, pois não há nada melhor do que esta incrível busca pelo conhecimento.





terça-feira, 23 de junho de 2009

CINCO TIPOS DE TEXTOS E SUAS PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS

Cinco Tipos de textos e suas principais características:


01) Texto Religioso:


Este tipo de texto procura comentar, explicar, ensinar ou convencer o leitor/ ouvinte de princípios estabelecidos por uma doutrina religiosa.

Conta com a aceitação pela fé, “que é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem”. (Hb 11:1) e de dogmas (do grego δόγμα, plural δόγματα), é uma doutrina ou crença imposta, que não admite contestação e que está ligado à ideologia ou conjunto de princípios que servem de base a um sistema religioso ou político.

Como um axioma entra na vida do cristão, e geralmente busca ensinar aos membros como devem pensar, valorizar, sentir e agir e como devem fazê-los para tornarem-se pessoas melhores.

Apóia-se no material bíblico que é importante para ajudar na reflexão sobre a formação da identidade e da memória do Judaísmo, e essa memória, construída literariamente a partir de uma tradição oral e posteriormente manuscrita em papiros ou pergaminhos até ser impressa, evidencia uma relação singular entre o ser humano e o ser divino e procura legitimar essa ideia de acordo com a religião e a tradição de um livro bíblico, que pode ser: a Bíblia, a Torah, A Bíblia Hebraica, O Talmude, A Bíblia Católica (que contém os livros Apócrifos, ou seja, aqueles que não foram considerados de inspiração divina pelo cânon judaico) , Bíblia dos Mórmons (Complemento Bíblico), etc.


Exemplo de Texto Bíblico retirado da Bíblia Sagrada, traduzida em português por João Ferreira de Almeida (Edição Revista e Corrigida)


Parábola do Semeador

(Lucas 8:4-15)


4. E, ajuntando-se uma grande multidão, e vindo todas as cidades ter com ele, disse por parábolas:
5. Um semeador saiu a semear a sua semente, e, quando semeava, caiu alguma junto do caminho, e foi pisada, e as aves do céu a comeram;
6. E outra caiu sobre pedra, e, nascida, secou-se, pois não havia umidade;
7. E outra caiu sobre espinhos, e crescendo com ela os espinhos, a sufocaram;
8. E outra caiu em boa terra, e, nascida, produziu fruto, cento por um. Dizendo ele estas coisas, clamava: Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.
9. E os seus discípulos o interrogaram, dizendo: Que parábola é esta?
10. E Ele disse: A vós vos é dado conhecer os mistérios do reino de Deus, mas aos outros por parábolas, para que, vendo, não vejam, e ouvindo, não entendam.
11. Esta é pois, a parábola: A semente é a palavra de Deus;
12. E os que estão junto do caminho, estes são os que ouvem; depois vem o diabo, e tira-lhes do coração a palavra, para que se não salvem, crendo;
13. E os que estão sobre a pedra, estes são os que, ouvindo a palavra, a recebem com alegria, mas, como têm raiz, apenas crêem por algum tempo, e no tempo da tentação se desviam;
14. E a que caiu entre espinhos, estes são os que ouviram, e, indo por diante, são sufocados com os cuidados, e riquezas, e deleites da vida, e não dão fruto com perfeição;
15. E a que caiu em boa terra, esses são os que, ouvindo a palavra, a conservam num coração honesto e bom, e dão fruto com perseverança.


02) Texto Jornalístico:



Basicamente sua função é a de informar e genericamente cada tipo de texto que se apresenta nos jornais é chamado de “matéria”, e cada uma possui uma característica e um objetivo específico.

Há uma técnica utilizada chamada de pirâmide invertida, ou seja, a parte mais importante do texto fica em cima e o ápice, conteúdo mais superficial, embaixo.

O primeiro parágrafo do texto é chamado de “lide” ou “lead” (inglês), e carrega o conteúdo mais denso da matéria, as principais informações. Esse recurso é muito usado para que as pessoas possam ter acesso rápido e mais fácil à informação e para que tenham a oportunidade de selecionar as matérias que realmente lhes interessam e assim, prosseguir com a leitura. Geralmente o título da matéria é baseado no lide.

Neste tipo de texto utiliza-se a língua culta e giras ou jargões ficam entre aspas.

O principal na notícia é informar: O quê, quem, quando, como e porque se deram tais fatos.

Seguem abaixo alguns dos mais característicos tipos de textos jornalísticos e suas principais características:


Notícia: Caracteriza-se pela linguagem direta e formal. Tem caráter informativo e é escrito de forma impessoal, frequentemente fazendo uso da terceira pessoa. Inicia-se com o lide e se segue com o corpo da notícia. Enquanto na primeira parte estão registradas as principais informações do fato, no corpo do texto estão presentes os detalhes (relevantes ou não), as causas e as consequências dos fatos, como, onde e com quem aconteceu, e a sua possível repercussão na vida das pessoas que estão lendo. Pode ter ou não um público alvo (jovens, políticos, idosos, famílias), caso tenha a linguagem poderá ser adaptada para

o melhor entendimento.

Editorial: Não é exatamente um tipo de texto, mas uma sessão do jornal que possui textos selecionados e agrupados através de seu conteúdo, público ou objetivo. Os jornais são divididos em vários editoriais que podem ou não estar encadernados separadamente. Entre os editoriais mais comuns estão: Política, Economia, Cultura, Esporte, Turismo, País, Cidade, Classificados, Coluna Social, etc.

Reportagem: Tem por essência a descrição e caracterização de eventos. Para isso a reportagem conta com algumas perguntas que, ao serem respondidas, formarão a estrutura da reportagem. Em Inglês chamamos as perguntas a seguir de WH- Questions, e elas servem para melhor estruturar a reportagem: O quê?, Como?, Quando?, Onde?, Por quê?, Quem?.

Nota: Texto curto composto apenas pelo lide. Normalmente trata de algum assunto de fácil compreensão e assimilação e que seja do interesse do leitor. Algo que já tenha sido

noticiado que não possui detalhes relevantes para serem descritos.Além desses, há outros cuja estrutura é mais complexa e a ocorrência vai além-jornal, como a crônica, o artigo, etc.
Normalmente, o processo de produção de um texto jornalístico se divide em quatro fases: a pauta (escolha do assunto), a apuração (verificação dos fatos e de provas), a redação (organização das idéias transformando-as em texto) e a edição (locação desses textos no jornal, correção e revisão dos mesmos).

Exemplo de Texto Jornalístico:

Mais de 1 bilhão de pessoas passarão fome em 2009, diz FAO

ROMA - Um total de 1.020 bilhões de pessoas, ou um em cada seis seres humanos, passará fome em 2009, segundo informou nesta sexta-feira a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO). Segundo o órgão, o número é recorde.

Em comunicado emitido em sua sede, em Roma, a FAO afirmou que a previsão é de que o número de vítimas da fome aumente 11% neste ano. Para estabelecer estas previsões, a FAO se baseou nas análises do departamento de Agricultura dos Estados Unidos.

O órgão atribui esse aumento à crise econômica mundial, que originou uma diminuição da renda e um aumento do desemprego, o que ajudou na redução ao acesso aos alimentos por parte dos mais desfavorecidos.

A maior parte da população desnutrida do planeta vive em países em desenvolvimento. Na Ásia e no Pacífico, calcula-se que cerca de 642 milhões de pessoas sofram de fome crônica. Além disso, 265 milhões passam fome na África Subsaariana, 53 milhões na América Latina e no Caribe, 42 milhões no norte da África e no Oriente Médio

e 15 milhões nos países desenvolvidos...

Segundo a FAO, os pobres que moram em zonas urbanas terão mais dificuldades para enfrentar a recessão mundial, já que a queda da demanda de exportações e a redução do investimento estrangeiro direto causarão um aumento no desemprego urbano.
No entanto, o órgão informou que as áreas rurais deverão enfrentar o problema que representará a volta de parte dessa população urbana para o campo.
Além disso, a FAO manifestou que os países em desenvolvimento terão uma menor capacidade de manobra nesta crise, devido à rápida deterioração do contexto econômico e ao fato de que as turbulências afetam todo o mundo de forma mais ou menos simultânea.
Isto limita a capacidade de se recorrer a mecanismos reparadores para se ajustar aos vaivéns macroeconômicos, como a desvalorização da moeda ou empréstimos no mercado internacional de capitais

Fonte de Pesquisa: http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2009/06/19/mais+de+1+bilhao+de+pessoas+passarao+fome+em+2009+segundo+a+fao+6829909.html



03) Texto Literário:



Texto literário é uma dimensão estética, plurissignificativa e de intenso dinamismo, que possibilita a criação de novas relações de sentido, com predomínio da função poética da linguagem. É, portanto, um espaço relevante de reflexão sobre a realidade, envolvendo um processo de recriação lúdica dessa mesma realidade.


CARACTERÍSTICAS: A produção de um texto literário implica:


· A valorização da palavra pela palavra: A palavra é a menor unidade no texto, e como tal, cada palavra escolhida pelo autor possui uma importância significativa na obra literária e ao que ela se propõe. Visto pois, por meio dela o autor expressa suas idéias, sentimentos, etc. A importância desta escolha reflete-se no todo ao final da obra. Assim, podemos definir a literatura como a Arte da Palavra.


· A valorização da forma: O uso literário da língua caracteriza-se por um cuidado especial com a forma, visando à exploração de recursos que o sistema lingüístico oferece, nos planos fônico, prosódico, léxico, morfossintático e semântico.

Não é o tema, mas sim; a maneira como ele é explorado formalmente que vai caracterizar um texto como literário. Assim, não há temas específicos de textos literários, nem temas inadequados a esse tipo de texto.


· A reflexão sobre o real: A expressão literária é utilizada principalmente como um meio de refletir e recriar a realidade, reordenando-a. Isso dá ao texto literário um caráter ficcional, ou seja, o texto literário interpreta aspectos da realidade efetiva, de maneira indireta, recriando o real num plano imaginário.

Refletindo a experiência cultural de um povo, o texto literário contribui para a definição e para o fortalecimento da identidade nacional. Por isso, num país como o Brasil, onde as características culturais precisam ainda ser revitalizadas e valorizadas, as artes desempenham um papel muito importante.


· A recriação da linguagem: Relacionada ao processo de recriação do real, ocorre a desautomatização da linguagem. Assim, pela reinvenção dos procedimentos linguísticos normalmente utilizados no cotidiano, a expressão literária desconstrói hábitos de linguagem, baseando sua recriação no aproveitamento de novas formas de dizer. O uso estético da linguagem pressupõe criar novas relações entre as palavras, combinando-as de maneira inusitada, singular, revelando assim novas formas de ver o mundo.


· A plurissignificação: O trabalho de recriação que se efetiva na construção do texto literário é uma atividade lúdica, uma brincadeira com a linguagem. Por isso, o texto literário provoca um prazer estético em seu fruidor (palavra em especial utilizada para as artes plásticas, pois possibilitam um maior alargamento da linguagem permitindo uma maior contribuição e fluidez entre as linguagens visuais, auditivas e sensoriais, potencializando a presença da obra tanto na sua forma como no seu conteúdo, assim seu uso possibilita uma maior inter-relação com meio, obra- fruidor), como acontece nas outras manifestações artísticas. Enquanto atividade de recriação, a expressão literária se caracteriza pela conotação , criando novos significados, ao passo que a expressão não-literária se reconhece pelo seu caráter denotativo . No texto literário, faz-se igualmente um amplo uso de metáforas e metonímias, com o objetivo de despertar no leitor o prazer estético. Isto é o que define seu caráter plurissignificativo.


· A intangibilidade da organização lingüística: Que significa que não pode ser tocado, pois ao tentarmos mudar as palavras que foram escolhidas pelo autor, poderíamos comprometer todo o significado da obra.


Exemplo de Texto Literário:


“A moça travara das mãos de Seixas e o levara arrebatadamente ao mesmo lugar onde cerca de um ano antes ela infligira ao mancebo ajoelhado a seus pés, a cruel afronta.

- Aquela que te humilhou, aqui tens abatida, no mesmo lugar onde ultrajou-te, nas iras de sua paixão. Aqui a tens implorando seu perdão e feliz porque te adora, como o senhor de sua alma.

Seixas ergueu nos braços a formosa mulher, que ajoelhara a seus pés; os lábios de ambos se uniam já em fervido beijo, quando um pensamento funesto perpassou no espírito do marido. Ele afastou de si com gesto grave a linda cabeça de Aurélia, iluminada por uma aurora de amor, e fitou nela o olhar repassado de profunda tristeza.

- Não, Aurélia! Tua riqueza separou-nos para sempre.

A moça desprendeu-se dos braços do marido, correu ao toucador, e trouxe um papel lacrado que entregou a Seixas.

- O que é isto, Aurélia?

- Meu testamento.

Ela despedaçou o lacre e deu a ler a Seixas o papel. Era efetivamente um testamento em que ela confessava o imenso amor que tinha ao marido e o instituía seu universal herdeiro.

- Eu o escrevi logo depois do nosso casamento; pensei que morresse naquela noite, disse Aurélia com gesto sublime.

Seixas contemplava-a com os olhos rasos de lágrimas.

- Esta riqueza causa-te horror? Pois faça-me viver, meu Fernando. É o meio de a repelires. Se não for o bastante, eu a dissiparei.

As cortinas cerram-se, e as auras da noite, acariciando o seio das flores, cantavam o hino misterioso do santo amor conjugal”.

(Parte final do Capítulo O Resgate, do livro: Senhora de José de Alencar)



04) Texto Jurídico:



Esclarece leis, comenta-as, interpreta-as, exemplifica das prioridades, das causas, dos efeitos e consequências e tem por finalidade convencer.

Utilizando-se de modalização, o que concerne por usos dos verbos modais (como poder e dever), e a presença ou não do sujeito (o outro), tendo em vista a heterogeneidade.


Exemplo de Texto Jurídico:


CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988


Art. 5.º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;

V - é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem;

VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

XII - é inviolável o sigilo da correspondência e das comunicações telegráficas, de dados e das comunicações telefônicas, salvo, no último caso, por ordem judicial, nas hipóteses e na forma que a lei estabelecer para fins de investigação criminal ou instrução processual penal;

XIV - é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional;



05) Texto Científico:


A primeira característica é responder a um questionamento, depois estes questionamentos deverão passar por uma delimitação e para obtê-las, preciso de um método que me permita chegar ao meu objetivo. Dentro do método a ser utilizado, preciso saber que técnicas e instrumentos de coletas usarei para mensurar os dados coletados.

Este tipo de texto deverá ser escrito em terceira pessoa, precisa ter clareza na exposição dos argumentos, referências do cânon, o que significa que todas as informações devem ser comprovadas cientificamente, e tem como finalidade inserir o aluno no mundo da pesquisa.

Alguns textos científicos seguem regras, como por exemplo os trabalhos acadêmicos que devem seguir as normas da ABNT.


Exemplo de Texto Científico:


O presente trabalho, portanto, justifica-se na tentativa de apresentar três fatores que irão corroborar a eficiência da música em sala de aula no ensino da Gramática Normativa Brasileira.

O primeiro deles é a fundamentação em bases científicas quanto ao estímulo cerebral. Platão dizia que: “A música é um instrumento educacional mais potente do que qualquer outro”. Hoje, esta visão de Platão é comprovada através de inúmeros estudos que afirmam que a música desenvolve um trabalho interdisciplinar.

Retomando, o segundo fator é a importância da música em despertar o interesse e a motivação dos estudantes em aprender, pois o seu uso gera resultados gratificantes e animadores, fazendo com que a difícil tarefa de ensinar torne-se agradável e mais divertida, quebrando o paradigma da rotina escolar.....”.


(Parte do trabalho acadêmico apresentada por Renata Alves de Souza Brandão, intitulada: O Ensino da Gramática Normativa Brasileira à Universidade Castelo Branco - R.J.)


Fontes Bibliográficas:

ARAÚJO, Ana Paula. (Publicado em 03/10/2007). Textos Jornalísticos. Acedido a 19 de Junho de 2009, em http://www.infoescola.com/redacao/textos-jornalisticos/

ALENCAR, José de. (2005). Senhora. Coleção Obra Prima de Cada Autor, Editora Martin Claret. São Paulo.

Sites relevantes:

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constitui%C3%A7ao.htm

http://am038a.googlepages.com/mapa:caracter%C3%ADsticasdotextocient%C3%ADfico

http://www.proz.com/kudoz/portuguese_to_english/photography_imaging_graphic_arts/1168040-fruidor.html

http://www.sitedoescritor.com.br/sitedoescritor_professor_virtual_perguntas_texto_literario.html


terça-feira, 12 de maio de 2009

Creia em Deus e tu e a tua casa serão salvos!


Hebreus 11:1-6,7

1 Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que não se vêem.
6 Ora, sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.
7 Pela fé Noé, divinamente avisado das coisas que ainda não se viam, sendo temente a Deus, preparou uma arca para o salvamento da sua família; e por esta fé condenou o mundo, e tornou-se herdeiro da justiça que é segundo a fé.

_ Você é uma pessoa de fé?

Se , sim agrade ao Senhor porque: Sem fé é impossível agradar a Deus.

Você agrada ao Senhor quando, ama as pessoas apesar das diferenças.

Busque ao Senhor de todo o seu coração, seja uma benção dentro e fora da igreja.
Creia na salvação que vem da Graça, dom gratuito de Deus. (JESUS)
Se você esta no meio do dilúvio, as águas vão baixar, e verá o cumprimento das promessas de Deus para a sua vida.
Salvação vem pela obediência, prepare a sua arca, mesmo que zombem de você, porque quando o dilúvio vier, salvará você e sua família!
Paz!

terça-feira, 5 de maio de 2009

Amizade


Um verdadeiro amigo é alguém que te conhece tal como és, compreende onde tens estado, acompanha-te em teus lucros e teus fracassos, celebra tuas alegrias, compartilha tua dor e jamais te julga por seus erros. Obrigado por ser assim! Te adoro.









Nelly - Party People



Recados de Amizade com Músicas


www.recadosanimados.com.br/musicas.html

terça-feira, 7 de abril de 2009

Superstição

* Copyrights reservados à Renata Brandão.



Você é supersticioso?
Saiba o que
a Bíblia diz a respeito!
Seja em casa, na escola, no trabalho, na igreja ou em qualquer lugar, basta alguém espirrar - seja conhecido ou não - logo falamos:
“Saúde!” ou “Deus te crie!”.
Em todo mundo isto ocorre, mas você já se perguntou por que agimos assim?
Embora achemos que agimos desta maneira por educação, a verdade é que esta expressão tem raízes profundas na superstição.
Há muitos séculos, acreditava-se que ao espirrar, a pessoa estaria expelindo (expulsando) a sua alma. Dizer “Saúde!” ou “Deus te crie!” portanto, significava pedir a Deus que lhes restituísse a alma.
É óbvio que em pleno século 21, pensar que a alma de alguém sairia a partir de um espirro seria pura tolice. Assim, não surpreende que o dicionário Michaelis defina superstição como:
1 - Sentimento religioso excessivo ou errôneo, que muitas vezes arrasta as pessoas ignorantes a prática de atos indevidos”.
O problema é que por uma questão não de ignorância, mas por tradição, estas crendices vem se arrastando no tempo.
Não se sabe ao certo desde quando as superstições começaram a influenciar no cotidiano da civilização, apenas podemos afirmar que estas práticas tiveram sua origem nas antigas religiões da Assíria, Babilônia, Grécia e Roma. Tais práticas idólatras foram condenadas por Deus e registradas na Bíblia por homens santos de Deus inspirados pelo Espírito Santo.
“1. Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação.
2. Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo”.
(2ª Pedro 1: 20 e 21).


A palavra “superstição” vem do latim super, que significa “em cima ou sobre ”, e stare, “estar”. De fato, os guerreiros que não morriam na batalha eram chamados de superstities, visto que haviam sobrevivido porque ficaram como que em cima dos companheiros mortos.

Mesmo vivendo num mundo globalizado e desfrutando dos mais variados recursos tecnológicos, a maioria da população mundial mais o ceticismo têm contribuído para que estas crendices se perpetuem. Tudo porque não leem a Bíblia.
Existem superstições para todos os gostos e ocasiões, por exemplo, as superstições relativas a atração do azar: Cruzar com gato preto na encruzilhada à noite, o noivo ver a noiva - com seu vestido - antes do casamento, o número 13, a sexta-feira 13, , entornar sal na mesa ou dentro de casa, pôr chapéu na cama, passar debaixo da escada etc.
Superstições relativas a atração da morte: para os japoneses o número 4 é o símbolo da morte, entrar dentro de casa com chapéu ou guarda-chuva, dar nomes a bebês de pessoas falecidas, se a criança não chorar no batizado pode não vingar (conheço pessoas que beliscaram seus afilhados em frente à pia batismal forçando o choro na hora do batismo) e outros.
Superstições relativas a outros tipos de atração: Se apontar o dedo indicador para as estrelas, terá verrugas, se fizer um pedido antes de soprar as velas de aniversário ou ao ver um cometa ou uma estrela cadente, trará sorte etc.
Superstições relativas a atração da sorte: se uma borboleta pousar em você, encontrar um trevo de quatro folhas, amuletos e santinhos variados, levantar da cama com o pé direito, o noivo deve abrir a porta do “Lar doce lar” entrar com o pé direito com a noiva no colo e ainda por cima, levá-la até o quarto nupcial (sei de casos que aconteceu o inverso, pois a noiva era muito pesada), pregar uma ferradura na porta ou na entrada de casa e mais.
Há ainda superstições do tipo neuróticas: Existem pessoas que só saem de casa depois de virem o que o horóscopo diz, se a orelha direita de alguém esquenta é porque estão falando dela, então para revidar contra o caluniador, no mesmo momento ela deve morder a ponta da blusa ou da gola da camisa, dessa forma o caluniador morderá a própria língua (Pura insanidade), colocar a vassoura atrás da porta para mandar visita chata embora, bater na madeira, fazer o sinal da cruz em frente à igreja ou à cemitérios etc.
Já citei vários exemplos, mas todos sabemos que ao redor do mundo há muito mais...
Agora, em algum momento desta matéria você se viu praticando alguma destas superstições?
Se sim, você deve tomar muito cuidado porque a superstição pode comprometer a sua qualidade de vida.
Quem se lembra do caso do cantor Guilherme Arantes que ficou um tempão sem se apresentar por causa de uma má previsão astrológica?
Há ainda pessoas que gastam fortunas com médiuns, adivinhos e numerólogos, tudo para que eles predigam o futuro.

Não sabem eles que o futuro só a Deus pertence!


Talvez muitos se surpreendam em saber que atrás de superstições inofensivas há forças perversas.
Lembrem-se de que a Bíblia diz que satanás se transformou em anjo de luz:
“E não é maravilha porque o próprio satanás se transfigura em anjo de luz”.
(2ª Co 11:14)
Satanás e seus demônios também podem forjar previsões e cuidam para que elas se cumpram, levando assim as pessoas a crerem que certas previsões são de Deus.
“21.Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus”.
22. Muitos me dirão naquele dia: Senhor , Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
23. E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci: apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade”.
(Mt 7:21-23)
“9.Á esse cuja vinda é segundo a eficácia de satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira,.
10. E com todo o engano da justiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem.
11. E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira;
12. Para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniqüidade”.
(2ª Ts 2:9-12).
Agora você sabe o porquê certas previsões dos que dizem ter poderes especiais às vezes se realizam.
Muitos dos que dizem ter poderes especiais, em sua maioria, são fraudadores, verdadeiros charlatões e estão prontos para extorquir dinheiro a qualquer custo dos.
E estes fraudadores ainda são usados por satanás para lançar as pessoas contra Deus e Jesus Cristo, cegando-as quanto às Boas Novas. Vejam o que diz em 2ª Co 4:3 e 4 :
“3.Mas, se a inda o nosso evangelho está encoberto, para os que se perdem está encoberto.
4. Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus”.
Em Atos 16:16-19 diz que “certa serva” possuía a arte da adivinhação e dava muito lucro aos seus senhores. Esta, seguiu a Paulo, Silas e Timóteo por muitos dias dizendo que eles anunciavam o caminho da salvação e que eram servos do Deus Altíssimo. A jovem perturbou tanto a Paulo que este se voltou ao espírito e o repreendeu em O nome de Jesus e este saiu na mesma hora, ficando a jovem sem os seus poderes de adivinhação.
A Lei de Deus a Israel dizia: “Não ofereçam os seus filhos como sacrifícios, queimando-os no altar. Não deixem que no meio do povo haja adivinhos que tirem sortes; não tolerem feiticeiros, nem os que invoquem os nomes dos mortos. O Deus eterno detesta os que praticam essas coisas nojentas...” (Deuteronômio 18:10-12).
E mais, o Senhor ficaria contra essa pessoa por causa desse pecado e a expulsaria do meio do povo (Levítico 20:6).
Amados, se o Senhor nos diz em Eclesiastes 9:11 que o tempo e a sorte pertencem a todos, então os costumes e as superstições não podem influenciar em nossa nova vida.
Quando necessitarem saber sobre o futuro, façam como aconselhou o profeta Isaías, consultem a Lei e os ensinamentos de Deus (Is 8:19 e 20).
Afinal, na Palavra de Deus temos a fonte mais confiável sobre o futuro.
Veja as profecias que se cumpriram:
Is 13:17,19 = Grande guerra entre Medo-Pérsia e Babilõnia;
Is 44:27 e 45:2 = Sacou o fosso fluvial e abriu os portões de defesa de uma cidade;
Is 45:1 = O nome do conquistador seria chamado Ciro, sendo que esta predição foi feita há 150 anos antes do seu nascimento;
Is 13:17-22 = A Babilônia tornou-se uma verdadeira ruína
e muitas outras profecias contidas
na Bíblia se cumpriram!

Sabemos que a maioria delas, não foram relatadas na Bíblia, mas se comprovaram na história da humanidade e há ainda muitas outras profecias que a Bíblia prediz para o futuro.
A Bíblia promete um novo mundo a ser criado por Deus, eliminando todas as coisas más como o ódio, a guerra, o egoísmo, a criminalidade e a insegurança, todo o sofrimento e doenças farão parte do passado (Ap 4:21).
Promete ainda que: “os mansos herdarão a terra, e se deleitarão na abundância da paz” (Sl 37:11). E o mais maravilhoso é que satanás e seus espíritos malignos também não mais existirão e não influenciarão mais os herdeiros do Rei com suas mentiras, inseguranças e crendices tolas.
Também há inúmeras previsões contidas na Bíblia que podem se cumprir em sua vida ainda hoje.
Descubra o que Deus pode fazer por você!
Leia a Bíblia, conheça a verdade contida Nela (Jo 8:32).
Não dependa de crenças tolas, de superstições passadas de geração a geração, liberte-se!
Mantenha seus olhos, sua mente e seu coração nas Palavras do Senhor!

* Copyrights reservados à Renata Brandão.
Fontes de pesquisa:
* A Bíblia na Linguagem de Hoje;
* Revista Despertai de 23 de outubro de 1999.

Ser Editora-Chefe


Ser Editora-Chefe

Da Revista:


Apascentar Ricardo New’s*

A Revista

Desde que me foi proposto o desafio de criar uma revista para a nossa congregação em setembro de 2007 (havíamos chegado na congregação fazia uns 2 meses), virei noites e mais noites em claro, finais de semana em frente ao computador, longe do prazer de estar com minha família, estudando sobre editoração, leis audiovisuais, quantidades de páginas para a mesma etc.

Descobri que uma revista do tamanho da nossa, para ser considerada revista deveria possuir no mínimo 32 páginas, então num ato profético em conjunto com o Pr. Venilton criamos o nome da nossa revista: Apascentar Ricardo New’s* A Revista.

Depois, criei seu objetivo principal; que seria o de fazer o ide ordenado por Jesus Cristo (Mc 16:15), e em segundo as outras propostas que são: ensinar, informar, esclarecer, divertir, veicular notícias e propagandas dos mais variados interesses e inclusive; mencionar os principais acontecimentos dos Ministérios da Apascentar de Ricardo de Albuquerque e de Nova Iguaçu;

Criei os nomes para cada coluna e para cada seção e pude trabalhar com inteira liberdade desde então.

Embora muitos não acreditassem que ela sairia, a nossa revista não só foi muito bem idealizada pelo Espírito Santo de Deus, como através da permissão de Deus, saiu do projeto para o papel!

A revista a princípio, foi ingenuamente elaborada por mim no Word e depois repassada sem alterações para o Publish pela Anézia e pela Carol.

Ao vê-la na primeira edição, ainda sem muita cara de revista, pude notar que ela possuía personalidade e já mostrava na primeira edição a que vinha!

O pastor Venilton entregou-me uma revista para servir de guia quanto à diagramação e estudei minuciosamente cada detalhe.

Eu acreditei neste projeto e sabia que o mesmo estava debaixo das mãos de Deus.sabia que Deus enviaria as pessoas certas para transformá-la numa grande revista a Seu tempo.

A Revista Apascentar Ricardo New’s* deixou de ser um sonho deste ministério para transformar-se em realidade.

A partir da segunda edição Deus enviou mais um novo membro para melhorar o designe da nossa capa, Adilson Mendonça e depois um revisor, o Pastor Paulo Cunha!

Em meio a tantas atividades da nossa congregação, ainda eram poucos os colunistas e articulistas que se motivaram a enviar as matérias, mas a revista foi ganhando espaço nos corações dos membros da nossa congregação e a cada exemplar, ela era esperada com mais alegria e expectativa.

Também pude perceber que ela originou-se em um novo ministério dentro da nossa congregação. Fazíamos parte da equipe de reportagem e de jornalismo e isto motivou-me ainda mais.

Durante este tempo, foram inúmeros acessos em meu e-mail, recebendo as matérias que seriam inclusas, editando, reeditando, cortando e às vezes, pedindo aos colaboradores que reescrevessem suas matérias por falta de coesão, coerência e concisão;

Inúmeros acessos à internet, descobrindo e estudando sobre os principais assuntos e temas que deveriam ser abordados em cada edição;

Horas antenadas nas principais manchetes da telecomunicação;

Em cada culto, prestando atenção a toda informação dada sobre o nosso ministério e de Nova Iguaçu para que posteriormente pudesse anexar tais informações em alguma matéria;

A cada celebração pedindo ao Espírito Santo de Deus um olhar mais sensível e dinâmico;

Lembrando e orientando as pessoas sobre os direitos autorais e visuais e que não podem assinar como seus, um texto que não foi escrito por eles;

Lendo e relendo inúmeras vezes nossas edições a fim de melhorar e padronizar a personalidade de nossas páginas;

Lembrando a todo instante (sem ser chata) que nossas edições possuem prazos que devem ser cumpridos, pois devemos entregar cada edição na data da Santa Ceia (ainda em atraso);

Motivando as pessoas a continuar enviando matérias;

Trabalhando com quem está motivado ou tem tempo de participar com alguma matéria em nossa revista;

Mostrando que cada membro de nossa equipe é muito importante para o desempenho da nossa revista e que uma matéria não enviada, é uma página a menos em nossa revista ou será uma página a mais para eu desenvolver.

Tem sido um trabalho árduo e cansativo, mas uma imensa alegria inunda meu coração a cada página pronta, a cada edição entregue a todos vocês.

Tudo o que fiz e o que faço neste projeto foi e têm sido pela direção de Deus.

Tenho imenso prazer em poder trabalhar na obra do Senhor e não apenas porque tenho uma função de destaque dentro da congregação em tão pouco tempo como membro, mas sim; porque nossa revista não é faz-de-conta, ela é lida por centenas de pessoas dos mais variado graus de instrução e com certeza eu creio que através destas nossas publicações inúmeras pessoas serão atingidas e impactadas pelo amor de Jesus Cristo.

Até o momento foram mais de 20 matérias escritas por mim em apenas cinco edições, sem contar com a nota do editor.

E sinto que Deus tem me aprimorado a cada exemplar, e ser usada pelo Pai nestas horas é mais do que maravilhoso, não tem explicação!

Agora Deus nos enviou mais um membro, Douglas Portela, que praticamente foi criado dentro de uma gráfica. A partir dele, outros membros foram se chegando e fazendo parte da nossa equipe.

Agora, pela graça do nosso maravilhoso Deus, estamos prestes a levá-la a ser impressa em gráfica o que irá qualificá-la ainda mais e não iremos parar por aí, porque creio que nossa revista será distribuída nacionalmente e internacionalmente, atingindo um número cada vez maior de almas no mundo afora!

Eu creio que Deus para isto a criou!

Creio também que chegará um tempo em que receberemos inúmeros testemunhos de pessoas que aceitaram a Jesus Cristo lendo nossos exemplares, de pessoas que receberam o dom do Espírito Santo lendo nossas matérias e vários testemunhos de vidas que foram transformadas e salvas através dela, para a honra e a glória do Senhor Jesus!

No momento, peço a todos os membros de nossa revista que continuemos num só espírito, numa só meta, num mesmo propósito, que é o motivo principal desta revista existir: Ganhar inúmeras almas para Jesus!!!

Neste mês de Abril, nossa revista completa cinco meses e todos querem uma fatia do nosso bolo!

Então, como editora-chefe da Apascentar Ricardo New’s* A Revista, neste aniversário, ofereço as primeiras cinco fatias deste abençoado bolo:




Primeiramente para Deus porque só Ele é digno de toda honra e de todo o louvor, ao Pr. Venilton Gonçalves de Jesus por permitir e acreditar que seríamos todos capazes de realizar este projeto, à minha família por compreender que todo trabalho e todas as horas que deixei de compartilhar de sua agradável presença foram por amor a obra do Senhor e para toda nossa equipe.



Parabéns a todos, pelo esforço e pela perseverança!!!

Jesus te ama e eu também!

Jesus te ama e eu também!

Em qual posição você se encontra na imagem abaixo?

Em qual posição você se encontra na imagem abaixo?
No altar? Em santidade! Ajoelhado, próximo ao altar? Em santidade! Em pé na igreja? Solte a cadeira e adore! Sentado? Levante-se e adore ao Senhor! Indiferente? O joio não adora a Deus! Você acha que não está representado no desenho? Cuidado! Você pode estar do lado de fora!